Fé!

Nunca se passa nada fora da nossa mente!!!

Nunca!

Gostamos de pensar que sim! Gostamos de colocar “lá fora” uma solução, um apoio, uma resposta… porque, sabe-se lá porquê, não queremos aceitar o AMOR que somos e o poder que temos.

Quando aceitamos isso, a paz torna-se inevitável.

Uns dias mais presente, outros nem tanto. Mas está sempre à distância de um respirar, de um pensamento, de um regresso da mente ao seu silêncio criador.

Quando o medo bate à porta, basta respirar, observar.

Claro que a mente diz que isso não basta, que isto e que aquilo.

Também podemos observar esses pensamentos.

Ajuda saber que não somos um corpo e que esses pensamentos não interessam.

Será isso a fé?

Quando ainda acreditamos que somos um corpo, temos fé de não ser.

Temos fé que existe mesmo algo mais.

E sentimos esse algo mais. Só não sabemos o que é.

Mas temos fé que É esse algo mais.

E há um saber interior, algo que se revela, que nos guia e nos mostra a paz e a serenidade.

Será isso fé?

Hoje falava ao almoço sobre fé.

Há momentos em que acho que não tenho fé… mas é cá uma mentira! Tenho, muita fé! E é essa fé que nos faz saber cá dentro que tudo está bem, que tudo é perfeito como é, que nos permite aceitar o que acontece e que nos ampara quando os medos surgem e as situações exteriores parecem levar-nos para bem longe de nós!

E lembrei-me deste vídeo que ouvi há pouco tempo. Faz tanto sentido!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s